Nota:

Minha foto
Menino besta cheio de sonhos aprisonado no corpo de um homem sóbrio e cheio de desejos.

Escolha a dose.

quarta-feira, 10 de agosto de 2016

Bote fé.

Não conheço uma civilização ateia. Parei pra pensar e não achei nenhuminha. Uma ilha perdida no Pacífico, uma comunidade esquimó, lá um povo aborígene no alto de uma montanha ou uma vila agrícola amazônida e vegetariana. Toda civilização arruma um deus.
Deus, essa concepção humana, parece antes de divina, necessária. Não dá pra viver sem um ou sem deus e sabe por que? A gente, bicho gente, produz cultura o tempo todo. E deus é cultura.
Crianças sentem medos. Medo do escuro, do bicho papão, de cachorro, medo de cair e de não lavar as mãos. Tudo é fruto da cultura que lhe está sendo ensinada ou imposta. É medo criado.
Cresce-se e vêm outros medos: Medo do fracasso, da professora, da polícia, tem o medo das contas a pagar, medo de perder o emprego e tem também o medo do escuro, esse nunca acaba.
É fisiologismo puro mas está lá, ou aqui, o medo.
O que cura o medo? Respirar lentamente? Psicanálise? Círculos de debate? Uma oração? Opa! Uma oração é tudo isso, junto com um Lexotan. Rezar resolve tudo, menos fazer você ganhar na Mega Sena, evitar que alguém morra ou que o seu amor volte pra você.
Mas além de evitar nossos medos, orar trás conquistas.
Imaginem se toda oração fosse atendida?
— Vou rezar pra deus, uma novena, uma trezena, fazer a romaria, dar tudo que tenho pro pastor, vou matar um bode, subir as escadas de joelhos, fazer jejum, meditação, vou caminhar sobre as brasas, jogar uma virgem no vulcão e minha graça vai ser alcançada.
É um sacrifício e uma graça, que beleza,
Pronto, juntou tudo. Juntou o fim dos medos com os desejos realizados. E onde você encontra tudo isso? Ra Rá! Numa religião cumpadi.
Arruma uma véio.
Ok, não sou de dar conselhos, mas toma cuidado com o clero. Fica de olho no pastor, no padre, oráculo, xamã, fica de butuca em quem fala em nome do deus que você escolher. Esses dão trabalho. Na verdade são os porta-vozes do divino o maior pepino da história toda. São uns irresponsáveis sabe? Esses caras não tem medo e nem acreditam nas graças que ditam. Falo que são irresponsáveis por que o pecador quando peca se perdoa mas o pregador quando peca, eita pau, acaba no Facebook.
Tudo se resume na fé. Com fé tudo vinga.
Então, olha aí: Tudo é fé.
Que tal botar fé em você, rezar pra você e acreditar em você?
Que tal acreditar que você pode acabar com todos os medos e conquistar todas as suas ambições?
Bote fé em você.
E se você um dia encontrar Buda pela frente mate-o.

segunda-feira, 1 de agosto de 2016

Frágil.

Cozinhava e falava, falava e falava. Daí chorei e uma Diva Louca e linda que me ouvia disse: Nós gostamos de homens frágeis. Queria que todos os homens tivessem escutado isso.

Tolerância.

Você é o que vc recebe do mundo.
E você recebe aquilo que você tolera.
Mandar alguma coisa à merda é fundamental,
ao menos, uma vez ao dia.

domingo, 31 de julho de 2016

Desaprender.

Passo hoje mais tempo, tentando fazer as pessoas desaprenderem as idiotices que lhes ensinaram do que propriamente tentando ensinar algo novo.

terça-feira, 19 de julho de 2016

Em nome de Deus

Todo aquele que interpreta livros e ritos e toma isto como fundamento sagrado desconhece o que há de fundamental na fé: O amanhã.
Não há fé no passado. Só há fé no amanhã. E o amanhã é sinônimo de mudança e modernidade.

O século 20 viu crescer uma devoção militante nas principais religiões, chamada popularmente de fundamentalismo e para estes o fracasso da modernidade será causado pela ausência de Deus. O método de qualquer religião traz uma certeza divulgada em forma de monólogo, jamais de diálogo ou debate de ideias, que coloca sempre um ser mitológico e superior acima da vida humana.

As 3 grandes religiões monoteístas - cristianismo, judaísmo e islamismo - pregam a paz, a tolerância, a compaixão e o amor ao próximo. Mesmo assim, elas deixaram suas marcas em guerras e banhos de sangue ao longo da história. Cruzadas, expurgos, inquisições, sacrifícios humanos e suicídios em massa são o registro da vitória da ignorância sobre os princípios fundamentais da existência humana.
A única coisa sagrada sobre o planeta é a vida.
A vida tem sido a maior vítima da ignorância quando ela se soma a intolerância seja ela política, racial, sexual ou religiosa e aí, nesses casos, a vítima mais frequente é a vida alheia. Se você se julga “o certo”, certamente está julgando alguém “o errado” e esse é o primeiro passo para o fanatismo.
Fanatismo, vem do latim fanaticus, quer dizer "o que pertence a um templo", fanum.
O fanático é portador de discursos prontos cujo efeito é a pregação de fundo religioso ou a inculcação política de ideias que poderá vir a se tornar ato agressivo ou violento, tomado sempre como revelação da "ira de Deus" ou "a inevitável marcha da história" ou, ainda, a suposta "superioridade dos certos sobre os errados".
Tenho medo de me transformar num fanático anti fanatismo. Me assustam fanáticos desportivos, estéticos e nacionalistas. Me apavora a ideia de "antitabagistas" que poderiam queimar os que fumam, "vegetarianos" que comeriam vivo quem come carne, "ecologistas" que preferem salvar baleias às pessoas famintas. Temo “marombeiros” que proibiriam andar em público os barrigudos, feios, deficientes e às gordinhas.
Não há fé no “sagrado”. É o conceito de sagrado acima da vida que leva ao julgamento, dele ao preconceito, ao linchamento, ao atentado e ao terrorismo. No final, ao holocausto.
Tudo em nome de Deus.

segunda-feira, 31 de dezembro de 2012

Nem aí.



E eu fiquei ali sentado esperando atenção. Achava que era tão pouco um pouco de atenção. Não estava pedindo muito.
Sentado estava, sentado fiquei, esperando aquele tão pouco pedir.
A atenção não veio e de fato não viria, melhor, não virá.
A gente pode não ficar sentado às vezes, isso é certo.
Há horas que a gente tem mesmo de quebrar uns copos, dar uns puta-que-o-parius, perguntar um “que merda é essa?” e olhar bem na cara e dizer: E eu porra? Você não ta me vendo aqui não é?
Mas, cuidado, há horas também que você pode ouvir de volta um “Tou vendo sim, mas não tou nem aí pra você”.

segunda-feira, 30 de julho de 2012

Há porque


Não há de ter intensão
Por não ter a razão
Não há por que ter paixão
Não pelo que tem intensão
Mas pelo que tem razão.

Não há por que ter sido
Por não ter acontecido
Não há por que ter nascido
Não pelo que tem sido
Mas pelo que tem acontecido.

Não há de ter vontade
Por não ter lealdade
Não há por que ter saudade
Não pelo que tem vontade
Mas pelo que tem lealdade.

Não há de ter perdão
Por não ter gratidão
Não há por que ter relação
Não pelo que tem perdão
Mas pelo que tem gratidão.

Não há por que ter agredido
Por não ter dolorido
Não há por que ter sentido
Não pelo que tem agredido
Mas pelo que tem dolorido.

quinta-feira, 12 de julho de 2012

Mudanças

As vezes sinto uma saudade enorme do homem que eu era.
Aí, eu sento quietinho e espero essa saudade passar
pra não deixar de ser a pessoa em que me transformei.

Na porta


Diga a essa menina, que bate palmas na minha porta,
diga a ela que eu não estou.
Diga que eu mandei dizer que eu não estou,
Diga que eu mesmo disse, que fui eu mesmo que falei,
diga a ela que eu não estou.
Diga a ela, diga.
Diga você por que eu mesmo,eu,
eu quero mesmo é dizer que ela entre,
que me abrace e me beije,
por que eu não estou,
mas meu coração está.



Tentando esconder



Era como numa estrada de pó,
Tentar esconder o caminhar,
Era como decidir nâo andar
Como se ainda pudesse voar.

sexta-feira, 25 de maio de 2012

Curvas da Estrada de Santos


Todo bom caminho sobe, desce, faz curva prum lado, pro outro.
Bons caminhos são como devem ser, inconstantes.
Não há júbilo algum no caminhar reto e preciso, nos caminhos constantes tudo é previsível, não há novidades nunca e até o passado está sempre ali, à vista de quem olha para trás.
Caminhar reto não lhe oferece uma surpresa sequer.
Ando caminhando como meus caminhos, ando a fazer curvas em mim mesmo. Talvez apareça uma novidade boa ou má, após uma ladeira ou uma curva qualquer. Mas caminhar reto, não dá pra mim não sabe?

quinta-feira, 24 de maio de 2012

Cada um


Qualquer um ouve o que você diz.
Muitos escutam o que você fala.
Alguns percebem o que você expõe.
Poucos entendem o que você expressa.
Raros assimilam o que você prega.
Mas ninguém ausculta o que você sente.

Oportunidade


Se o coração parar desça.
Aproveite o momento e pule fora 
por que o caminho da saudade é longo. 

quarta-feira, 23 de maio de 2012

Ouve

Houve alguém que acreditava
que o sorriso retornado era tão sincero quando o seu.
Que deveria pagar sempre mais do que as coisas valiam.
Que deveria calar para não fazer sofrer.
Que deveria esperar e esperar até que tudo fosse como deveria ser.
Que um dia seria correspondido, ao menos, na sinceridade.

Houve esse alguém
que sonhava e fazia planos mesmo sabendo que os desfaria ao amanhecer.
Houve esse alguém que se dava.
Houve esse alguém que aguardava e ao passo que se dava se iludia.
Houve sim alguém que ouvia.

Que entendia, aceitava e se submetia.
Que procurava, não encontrava, mas continuava na espera.
Que abria a mão.
Que enchia o peito.
E que acolhia.

Houve alguém que tentava.
Que oferecia a outra face e perdoava.

Esse alguém, que houve um dia, não sou mais eu.

quarta-feira, 14 de março de 2012

Sinal dos tempos

Não me talhei para sentir baixinho.
Quando sinto é turbilhão, é barulho, confusão.
Quando sinto é alagação.
Fazem tempos que não sinto.
Serão estes tempos de seca?
Ou serão tempos de nãos?

Full

Conserve sua metade incompleta para não correr o risco de esbarrar em alguém que possa lhe completar e essa pessoa lhe encontrar full.

quinta-feira, 1 de março de 2012

Sai da frente

Se o seu caminho não é o da felicidade então me desculpe, dá licença que eu quero passar, pois esse é o meu.

segunda-feira, 27 de fevereiro de 2012

Numa casa, onde quando é noite, só um cômodo tem a luz acesa,
 ou ali vive uma família muito unida ou mora apenas a solidão.

Aviso

Vou logo lhe avisando: Não acredite nunca nessas fofocas e estórias que falam a meu respeito. A verdade mesmo é bem pior.

Diálogo interno

E aí a cabeça falou: Sai dessa idiota!
E o coração, idiota, respondeu: Poxa, mas aqui tá tão bom.

Engano seu

Não se engane, quem mais te engana é você mesmo.

Poxa!

Poxa! Até na hora de errar eu ando errando errado?

Há mais

Nunca se desespere, quase sempre, nem tudo está perdido.
Se você parar para pensar direito vai perceber
que ainda há muita coisa a perder.

Puro fingimento

Não se engane não, para cada mulher que finge o orgasmo existe um canalha que finge amar.

E fazer falta


Tudo que ela queria é que alguém sentisse medo de perde-la.

Na certa

Se você ainda anda procurando a pessoa certa desista.
A essa altura ela já está com a pessoa errada.

quinta-feira, 23 de fevereiro de 2012

Ao luar

Eu falo daquele cara sentado na Lua.
A Lua é toda dele mas ele não tem ninguém por perto pra poder contar.

quinta-feira, 9 de fevereiro de 2012

Cínico

Era cínico como um crocodilo.
Quando abria a boca para devorar suas vítimas ainda tinha a pachorra de derramar lágrimas.

quarta-feira, 8 de fevereiro de 2012

Resta Um

   Um plano, um sonho, uma virtude, até mesmo o amor, no caso do amor próprio. Para que essas e outras tantas coisas aconteçam basta apenas um indivíduo.
   Mas, para a amizade, se precisam dois.
   Dois indivíduos e que os dois se precisem antes de mais nada.
  Se o outro não corresponde à isso então, talvez seja melhor parar de pensar em amizade e começar a considerar sua autoestima.
   Para isso basta só um: Você.

terça-feira, 7 de fevereiro de 2012